É comum ver em projetos de decoração o estilo mais monocromático, ou então usando apenas uma cor, mas é possível, misturar texturas e tonalidades tornando o ambiente diferente e refinado.

A começar pela variedade, o tom sobre tom nos dá um leque maior de opções, e por conta disso é mais fácil se relacionar com o seu estilo próprio, de forma despojada.

 

 

Como exemplo, esse quarto incrível que utilizou um cobre mais claro na cabeceira, com um mais escuro na parede, dando uma profundidade e separação do objeto com a mesma.


Um dos passos importantes ao usar tom sobre tom, é considerar a luz, leveza e profundidade do ambiente, pois assim, como na foto a cima, é possível fazer uma boa combinação sem que haja uma mistura nas cores e texturas.  

Além disso, devemos levar em consideração a roupa de cama, a mesma também pode variar em suas tonalidades e ainda assim ficar em harmonia com o ambiente, sem falar em tapetes e cortinas que sempre finalizam a decoração com chave de ouro.

 

 

Mas não queremos deixar o ambiente tão uniforme ao ponto de não se destacar não é mesmo ? Por isso, podemos utilizar a textura, que pode ser ousada ou também sutil, envolvendo-se facilmente com o ambiente, podendo relacionar-se até mesmo com a textura das cortinas ou tapete.

Como exemplo, trazemos essa imagem, que é sutil na texturização das paredes e carpetes e mostra que podemos utilizar ainda assim o monocromático.

 

E por termos a possibilidade de ousar, nada impede que possamos colocar quadros coloridos, ou até mesmo dar uma boa saturada na cabeceira, para quebrar os tons entre a roupa de cama e a parede, como as imagens abaixo, que traz como ponto focal outras peças.

 

 

Então, vimos o quão fácil é relacionar os tons e texturas, de modo a deixar seu quarto aconchegante e impossível de não dormir mais 5 minutinhos. Mas ainda tá na duvida? Tem algumas ideias e quer passar ela para o papel? Vem tomar um café com a gente, será um prazer.

Material adaptado, fonte aqui.